quarta-feira, 12 de agosto de 2009

10 Atividades recreativas ;)


As brincadeiras e os jogos infantis são fundamentais para o desenvolvimento da criança, no aspecto físico, social, emocional e intelectual. Vygotsky (1991) afirma que o comportamento de uma criança, em relação ao brinquedo, não é apenas simbólico. A criança realiza seus desejos enquanto a realidade e suas experiências vêem à tona. Oliveira, discutindo a temática, afirma que "no brinquedo a criança comporta-se de forma mais avançada do que nas atividades da vida real, e também aprende a separar objeto e significado". (OLIVEIRA, 1993, p.67)

1- Acorda Sr. Urso!!!

É um tipo de brincadeira que trabalha com a imaginação e dramatização. Os personagens são : o Sr. Urso (pegador - um aluno) e as pessoas que estão a passeio na floresta ( demais alunos da turma). O enredo da brincadeira é o seguinte: o Sr. Urso deverá estar dormindo dentro de sua caverna ( pode ser uma das extremidades da quadra ou pátio). Do outro lado ficam todos os alunos que dramatizarão um passeio por uma floresta. De repente, o professor (a) alerta para a presença do urso e dasafia os alunos a acordá-lo. Quando o Sr. Urso é tocado por um ou vários alunos ele acorda e corre em direção ao grupo de ciranças. Ele deve tentar pegar o maior número possível de colegas e aprisioná-los em sua caverna. Os colegas que não foram pegos pelo Sr. Urso podem tentar salvar os outro que estão presos. Não existe pique.

2- Brincadeira da "Escultura"
Esta dinâmica estimula a expressão corporal e criatividade. Pode ser em duplas ou trios.

Enquanto se escuta uma música, um participante trabalha como escultor enquanto os outro (s) ficam em estátua (parados). O escultor deve usar a criatividade de acordo com o objetivo esperado pelo (a) professor (a), ou seja, pode buscar:

-estátua mais engraçada
-estátua mais criativa
-estátua mais assustadora
-estátua mais bonita, etc.

Quando o escultor acabar (estipulado o prazo para que todos finalizem), seu trabalho vai ser julgado juntamente com os outros grupos. Pode haver premiação ou apenas palmas. em outro momento que era escultor passa-se então a ser estátua e vice versa.

3- Bincando de Amarelinha
Necessita-se de 1 pedrinha.
Desenvolmento: Brincam quantas crianças quiserem e cada uma tem sua pedra. O professor pode desenhar no chão do pátio uma amarelinha.

Variações e etapas:
1- Joga se a pedra na 1ª quadra, não podendo pular nela. Vai com um pé só, batendo os dois pés no chão, na quarta e quinta casa e no céu sem
fim.
2- Chutinho. Vai se chutando a pedra que foi jogada perto, antes da amarelinha, com um pé só. A pedra não pode bater na risca, se errar passa
para outra criança até chegar sua vez novamente.
3- Na terceira etapa, joga-se sem pedra. Com os olhos vendados diz: “__Pisei”? As outras respondem: “__Não”. Assim casa por casa até sua
vez. Também na terceira casa é com um pé só. E os dois pés na 4ª e 5ª casas.
4- Tirar casa - de costas joga-se a pedra para trás, onde cair, essa casa será excluída. Risca-se com giz a mesma, podendo pisar nela com os
dois pés.

4-Brincadeira do general
Essa brincadeira proporciona muita descontração... causa muitos risos e simpatia entre os participantes.
Procedimento: Uma dinâmica para entreter... como uma brincadeira...
Há várias posições nesse jogo, como: lixo, soldado, cabo, sargento, coronel, general etc...
O general começa falando 'Passei a revistar minha tropa e senti falta do...(ele diz o nome de uma das posições)
A pessoa se levanta (a não ser que seja o cargo mais baixo, nesse caso, o General se levanta, e ele continua sentado) e diz 'O ... nunca falta, senhor(o cargo mais baixo não diz senhor ao general)
General - então quem falta?... - Quem falta é o ..., senhor
E assim se procede... até que alguem não se levante, ou levante na hora errada, ou esqueça de dizer 'senhor' ou diga senhor na hora errada
OBS: Se levanta apenas para um cargo mais elevado, e se diz senhor, também apenas para um cargo mais elevado. Nesse caso, a pessoa que errou vai para o cargo mais baixo, e cada pessoa sobe um cargo...Então, começa com o general dizendo 'Passei a revistar minha tropa(...)'
OBS2 - O cargo mais baixo nunca diz senhor ou se levanta para o general, mas para todos os outros participantes, sim...O general nunca se levanta ou diz senhor... apenas para o cargo mais baixo...
OBS3 - se faltarem cargos, pode-se inventar mais alguns, como meleca, ou balde, ou algo assim...
Fonte: CDOF

5- Dança da cadeira
Você precisa ter uma cadeira a menos do número das pessoas que estiverem brincando.Por exemplo, se forem 5 crinças, deve-se ter 4 cadeiras.
Coloque uma música animada,as crianças andam dançado ao redor das cadeiras,quando a música parar elas devem correr e tentar sentar,quem não conseguir, sai da brincadeira.
Conforme as crianças vão saindo,deve-se tirar também uma cadeira, ou seja, se iniciou com 5 crianças e 4 cadeiras, assim que a primeira criança sair tira-se mais uma cadeira,ficando 4 crianças e 3 cadeiras e assim sucessivamente, até que só reste uma cadeira e o vencedor.

6- Dança da laranja
Formam-se os pares para a dança. Coloca-se uma laranja apoiada entre as testas dos dois integrantes de cada par. Ao começar a música, os pares devem dançar procurando ao mesmo tempo evitar que a laranja caia. É proibido usar as mãos para manter o equilíbrio. Se a laranja cair no chão, a dupla é desclassificada. A música deve prosseguir até que só reste um par com a laranja.
Obs: pode-se utilizar bolinhas de ping pong ao invés da fruta.

7- Brincadeiras com corda
Subi na roseira

Duas crianças batem a corda, enquanto as outras organizam fila em lados opostos da corda. Entra duas de cada vez, uma de cada fila. Começam a saltar enquanto recitam os versos alternadamente:

Criança 1 : Ai, ai.
Criança 2 : O que você tem?
Criança 1 : Saudades.
Criança 2 : De quem?
Criança 1 : Do cravo, da rosa e de mais ninguém.
Criança 2 : Subia na roseira,
Criança 1 : desci pelo galho,
Criança 2 : Fulano (fala um nome) me acuda, senão eu caio.
A criança 2 sai e entra quem foi chamado. O jogo continua até que todos tenham participado.

Foguinho
As crianças que batem a corda recitam, enquanto outra pula:
Salada, saladinha
Bem temperadinha
Com sal, com pimenta
Fogo, foguinho.
Quando falarem a palavra "foguinho", começam a bater a corda cada vez mais rápida. Vence quem conseguir pular mais tempo sem esbarrar na corda.

Cobrinha
Duas crianças seguram a corda bem perto do chão, fazendo ondulações para cima e para baixo. As outras crianças fazem uma fila e vão pulando a "cobra", sem encontrar na corda, que é sacudida cada vez mais rápida. As ondulações vão ficando cada vez mais altas e quem esbarra na corda é desclassificado. Ganha quem "sobreviver" mais tempo.

8- Guerra de bolas
Divide-se a turma em duas equipes, cada equipe irá ocupar uma metade da quadra. Cada aluno terá nas mãos uma bola de papel, ao sinal começarão a lançar as bolas de papel na quadra adversária, juntando as que estão na sua quadra enviando novamente para o outro lado. Terminado o tempo, o professor dará um sinal e os alunos, ficarão posicionados na linha de fundo da sua quadra, esperando que o professor conte quantas bolas tem em cada quadra. Ganhará a equipe que tiver menos bolas em sua quadra.

9- Cabra cega
- Cabra cega?! - Senhor. - De onde vieste? - De trás da serra. - Que trouxeste? - Um saquinho de farinha. - Dá-me um bocadinho/ - Não chega p’ra mim mais minha velha. As crianças todas tentam beliscar o saquinho de farinha que a cabra-cega, de olhos vendados, no meio da roda, tem em uma das mãos; e ela tenta agarrar as que lhe aproximam. A que se deixa prender, ou tocar, passa aser cabra-cega e o brinquedo ( a brincadeira) recomeça.
Fonte : www.qdivertido.com.br

10- Cabo de guerra
As equipes alinham-se, com os jogadores uns atrás dos outros, segurando cada lado metade de uma corda dividida igualmente entre ambos. A um dado sinal, começam a puxar a corda.Ganha o partido que se apossar dela toda, ou que houver conquistado a maior parte da corda ao cabo de um período de um ou dois minutos.





6 comentários:

  1. Mto bom ver educadores empenhados em compartilhar atividades que beneficiam e melhoram a qualidade da nossa educação. Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  2. Querida Josy! Parabéns pelo seu blog, postei em meu facebook de tão legal que achei o resgate das brincadeiras e músicas, adorei!

    ResponderExcluir
  3. Parabens pelo blog prof, muito bom..estou amando ele

    ResponderExcluir
  4. Cabra cega me lembra o filme de terro - invocando o demonio

    ResponderExcluir
  5. Muito bom esse blog, Parabéns porf° Josy. Me ajudou muito, Á aprender que beneficia e melhorar a qualidade da escola e da nossa educação.

    ResponderExcluir